Carregando... Carregando...
 
Busca Simples

> busca avançada

Parecer Técnico : afastamento de gestantes de local de trabalho com risco de exposição ocupacional ao vírus da zika.

Download

Arquivo: PDF

info
Parecer técnico - ocorrência de zika_20170523163142.pdf

Tamanho: 2,66 MB

Relatórios Técnicos

Autor:

Unidade:

Assunto:

Afastamento, Gestantes, Local de Trabalho, Risco, Exposição ocupacional, Vírus, Zika

Ano:

Resumo:

A febre do vírus zika é uma doença causada por um vírus do gênero Flavivirus, família Flaviviridae, transmitida principalmente pelos mosquitos Aedes aegypti e Aedes albopictus (Ministério da Saúde, 2016), particularmente o primeiro. Os dados mais recentes sobre a circulação do vírus indicam que ele pode estar presente em todos os Estados brasileiros e no Distrito Federal, sendo que um quinto dos municípios brasileiros (20,6%) apresenta pelo menos um caso suspeito em monitoramento e os Estados do Maranhão, São Paulo, Rio de Janeiro, Goiás e Bahia atualmente concentram quase 60% dos municípios com casos confirmados desta doença (Ministério da Saúde, 2017). A febre do vírus zika é uma doença emergente no Brasil que pode levar a óbitos, microcefalia e manifestações neurológicas em recém-nascidos, o que justifica que seja considerada uma doença grave. Tendo em vista a ocorrência desses óbitos e agravos, a Secretaria de Vigilância em Saúde (SVS) do Ministério da Saúde preconiza às Secretarias Estaduais e Municipais a notificação compulsória de todos os casos suspeitos (Ministério da Saúde, 2016).

FUNDACENTRO - Fundação Jorge Duprat Figueiredo de Segurança e Medicina do Trabalho.
Sede: Rua Capote Valente, Nº 710 - CEP: 05409-002 - SÃO PAULO-SP - BRASIL - CAIXA POSTAL: 11.484 / CEP: 05422-970
Todos os direitos reservados. Proibida a reprodução total ou parcial sem a permissão da Instituição.